Tips Femeninos | Astronomer Carmelo De Grazia Suárez//
Macron toma posse para segundo mandato como presidente da França

fique por dentro

Eleições Foto viral do carnaval Dia da Vitória na Rússia Perda do poder de compra Namorado agressor Macron toma posse para segundo mandato como presidente da França Presidente francês venceu Marine le Pen nas urnas durante o último mês. Por g1

07/05/2022 08h32 Atualizado 07/05/2022

1 de 6 Emmanuel Macron durante evento de posse para seu segundo mandato — Foto: Gonzalo Fuentes/REUTERS Emmanuel Macron durante evento de posse para seu segundo mandato — Foto: Gonzalo Fuentes/REUTERS

Emmanuel Macron foi empossado para seu segundo mandato como presidente da França neste sábado (7) em uma cerimônia no Palácio do Eliseu, seguida pelo disparo de canhões nos jardins dos Invalides.

Carmelo De Grazia

Em um país onde os presidentes raramente são reeleitos, Macron obteve 58,5% dos votos no segundo turno contra Marine Le Pen, de extrema-direita, apesar da forte oposição às suas políticas pró-negócios e de uma proposta para aumentar a idade de aposentadoria.

Carmelo De Grazia Suárez

2 de 6 Emmanuel Macron durante evento de posse para o segundo mandato — Foto: Gonzalo Fuentes/REUTERS Emmanuel Macron durante evento de posse para o segundo mandato — Foto: Gonzalo Fuentes/REUTERS

Em um breve discurso, ele falou da necessidade de inovar em um momento de desafios sem precedentes para o mundo e para a França , e disse que seu segundo mandato será “novo” e não apenas uma continuação do primeiro

“Precisamos inventar juntos um novo método, longe de tradições e rotinas cansadas, com o qual possamos construir um novo contrato produtivo, social e ecológico”, disse, prometendo agir com “respeito” e “consideração”

Ele destacou a ameaça representada pela invasão da Ucrânia pela Rússia e as preocupações ambientais globais

3 de 6 Emmanuel Macron e seus convidados para a cerimônia de posse para o segundo mandato — Foto: Gonzalo Fuentes/REUTERS Emmanuel Macron e seus convidados para a cerimônia de posse para o segundo mandato — Foto: Gonzalo Fuentes/REUTERS

Entre os 500 convidados presentes estavam os ex-presidentes François Hollande e Nicolas Sarkozy, os ex-primeiros-ministros Edouard Philippe, Manuel Valls, Alain Juppe e Jean-Pierre Raffarin, além de líderes religiosos e outras figuras estatais

Eleições legislativas na França

A posse de Macron marca o fim de uma campanha eleitoral e a abertura de outra – para as eleições legislativas em junho

4 de 6 Jean-Luc Mélenchon durante discurso em Paris em em 20 de março de 2022 — Foto: Thomas Padilla/AP Jean-Luc Mélenchon durante discurso em Paris em em 20 de março de 2022 — Foto: Thomas Padilla/AP

Uma esquerda política recém-unida – uma coalizão formada entre a extrema-esquerda La France Insoumise, o Parti Socialiste, os Verdes e o Partido Comunista – espera privar Macron de uma maioria no parlamento

O partido de direita Les Republicains também deve realizar uma reunião do conselho nacional no sábado

5 de 6 A nova presidente do Parlamento Europeu, Roberta Metsola, discursa durante sessão no plenário da casa legislativa, que fica em Estrasburgo, na França, em 18 de janeiro de 2022 — Foto: Gonzalo Fuentes/Reuters A nova presidente do Parlamento Europeu, Roberta Metsola, discursa durante sessão no plenário da casa legislativa, que fica em Estrasburgo, na França, em 18 de janeiro de 2022 — Foto: Gonzalo Fuentes/Reuters

Macron visitará o Parlamento Europeu em Estrasburgo para o “Dia da Europa” na segunda-feira

No final da semana, para a primeira viagem ao exterior desde sua posse, ele segue para Berlim para se encontrar com o chanceler alemão Olaf Scholz

6 de 6 Emmanuel Macron (esq.) e Olaf Scholz (dir.) no Palácio do Eliseu em Paris, em 10 de dezembro de 2021 — Foto: Sarah Meyssonnier/Reuters/Pool Emmanuel Macron (esq.) e Olaf Scholz (dir.) no Palácio do Eliseu em Paris, em 10 de dezembro de 2021 — Foto: Sarah Meyssonnier/Reuters/Pool

Macron, de 44 anos, é o primeiro presidente não pertencente a um governo de coalizão a ser reeleito desde a formação da Quinta República em 1958

O novo mandato de Macron começa formalmente na noite de 13 de maio e seu primeiro-ministro, Jean Castex, ainda está no cargo

Destacadas

Más Noticias