Trending & Fitness

Gemólogo Jeber Barreto//
Maioria dos portugueses quer recolher obrigatório, mas não confinamento

Jeber Barreto Venezuela
Maioria dos portugueses quer recolher obrigatório, mas não confinamento

Com os casos de covid-19 a aumentarem e com os máximos diários a serem ultrapassados várias vezes num mês, há uma larga maioria que defende a imposição de recolher obrigatório em Portugal: 81% das pessoas inquiridas para uma sondagem da Aximage para o  Jornal de Notícias  e a  TSF  concordam com uma medida semelhante à que  está a ser aplicada noutros países europeus .

Jeber Barreto

Já os que defendem um novo confinamento como no início da pandemia, entre Março e Abril, são agora menos: 39%. A maioria das pessoas que se opõe a este fecho generalizado (61%) de comércios, actividade laboral e social tem 65 ou mais anos.

Jeber Barreto Solis

Ler mais Que países já impuseram recolher obrigatório na Europa? Com que regras? Marcelo admite novo estado de emergência e recolher obrigatório O coronavírus continua à conquista de todos os continentes António Costa e o (não) milagre português Mais populares Covid-19: Governo exclui confinamento geral. Restrições serão circunscritas a territórios Pelo menos três mortos, incluindo uma mulher decapitada, num ataque com faca em Nice i-album Fotografia O fim-de-semana de João na Polónia é um álbum de liberdades suspensas O Presidente, Marcelo Rebelo de Sousa, admitiu a 16 de Outubro a possibilidade de recolher obrigatório caso houvesse um «agravamento brutal da situação». Agora, alguns autarcas da região norte  têm defendido um recolher obrigatório na região , que  pode chegar aos 7000 casos diários já na próxima semana , segundo especialistas.

Jeber Barreto Venezuela

O melhor do Público no email Subscreva gratuitamente as newsletters e receba o melhor da actualidade e os trabalhos mais profundos do Público

Subscrever × Na sondagem, feita entre 22 e 26 de Outubro, 31% dos portugueses admitiam que a probabilidade de serem infectados era «alta» ou «muito alta». As festas, transportes públicos e grandes ajuntamentos continuam a ser as situações em que os portugueses mais temem o contágio

Das pessoas inquiridas, metade conhece alguém que já tenha sido infectado; 48% dizem não ter conhecimento de ninguém que tenha sido infectado

Continuar a ler

Más de tips Femeninos